96% das mulheres sentem culpa ao menos uma vez por dia

/
/

Uma pesquisa feita por uma revista norte-americana mostrou que 96% das mulheres sentem culpa pelo menos uma vez por dia. Metade delas sentem culpa por mais de quatro vezes diariamente. Os principais motivos para esse sentimento são: não comer de forma saudável, não ter tempo para a família e negligenciar o trabalho. O Mulher Conectada conversou com a psicóloga, Sandra Morais sobre os motivos que nos levam a culpa constante.

Ela explica que vivemos em um mundo competitivo, e que a própria mídia faz com que as mulheres se sintam culpadas o tempo todo. “Isso vem das cobranças em cima de nós: padrão de beleza imposto, maternidade, trabalho e mais. Além disso, atualmente, vivemos como se tivéssemos que dar conta de tudo e que não podemos fugir desse padrão. As mulheres sentem culpa quando falham ou são diferentes. Nos sentimos culpadas pelo simples fato de não conseguir”.

Mulheres que sentem culpa: como se livrar dela

Se livrar da culpa não é fácil, mas a psicóloga explica que o caminho começa com a conclusão de que não temos como controlar tudo a nossa volta. “A pessoa precisa trabalhar essa culpa e tentar se perdoar, pois não irá acertar sempre. Além disso, precisa procurar agir, pois não adianta viver só com esse sentimento e não fazer nada para mudar. Se livrar dessa sensação não é simples, por isso, ela não precisa fazer sozinha: é importante buscar ajuda profissional”.

Criar alguns hábitos em nossa rotina pode ajudar a nos livrar da sensação constante de mulheres que sentem culpa. “Primeiro de tudo: temos que mentalizar e entender que não somos responsáveis por tudo e por todos. Compreender ainda que não temos e nunca teremos o controle de tudo. É importante que não há problema nenhum em errar, pois somos passíveis a isso. Mas, podemos procurar, sem cobranças, não cometer os mesmos erros”.

Manter os pensamentos positivos é importante para mulheres que sentem culpa. “Isso é algo valioso. Entender ainda a diferença entre responsabilidade e culpa é essencial. Quando começamos a nos compreender, conseguimos entender que somos responsáveis pelos nossos atos e que a culpa é o sentimento de querer que as coisas aconteçam como queremos e isso não é nossa responsabilidade”.

Leia também: Como deixar de ser uma pessoa abusiva?

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This div height required for enabling the sticky sidebar