O estilo sexy está em alta. Saiba como usar a tendência

/
/

Que mulher não gosta de se sentir sexy? E em 2021 esse desejo se tornou tendência. É que o estilo sexy está em alta. Recortes estratégicos, transparência e semelhantes já estão compondo looks das mais fashionistas. Quer saber como aderir? O Mulher Conectada bateu um papo com a consultora de imagem e estilo, Rita Heroína, a respeito.

Ela explica que se trata de uma construção pessoal, e que nem todas as mulheres conseguem usar o estilo sexy. “O estilo de cada pessoa está atrelado a diversos fatores pessoais. Dentre eles a personalidade, essência, referências, bem como a sociedade onde convive e cultura. Além disso, a criação familiar, estudo e gostos pessoais também interferem”.

Portanto, ela explica que tudo é muito individual. “Toda essa mistura constrói as tendências de cada pessoa se identificar mais com X ou Y. Indo por esse caminho, nenhum estilo irá agradar todo mundo e com o estilo sexy não é diferente. Ainda temos o plus de ser bastante irreverente e instigante. Ouso dizer que a personalidade é bastante representada, pois é necessário atitude, autoafirmação, ousadia, bem como segurança e autoestima para ser adepta”.

Ela lista as características que o estilo sexy tem. “Na vestimenta é caracterizado por roupas justas, pele amostra e decores reveladores. Além disso, fenda, salto alto, couro e cores intensas como o vermelho, animal print e transparências. Ademais, pessoas que seguem o estilo sexy gostam de acessórios chamativos, com brilhos. Na maquiagem o batom vermelho é bem presente e os olhos marcados”.

Como usar o vestido sexy?

A moda dos anos 2000 está em alta. A consultora de imagem lembra que esses foram tempos de bastante sensualidade. “Calça de cintura baixa com a barriga amostra, tops diversos, muito brilho, bem como bodychain, minissaia, correntes, vestidos justos e transparências. Uma modelagem que está bastante em alta também são as peças que tem algum vazado, deixando a pele amostra. Trançados e amarrações com tiras finas também”.

Mas, Rita ressalta que, como tudo na vida, é preciso ponderação. “O estilo sexy pode ser chique, elegante, feminino e atraente. Mas quando usado com abuso, tende a se aproximar do vulgar, e essa com certeza não é uma mensagem bacana a se passar. Por isso, equilíbrio sempre, por exemplo: Mostrou demais em cima? Cubra mais embaixo”.

Outra dica é não criar um visual muito espalhafatoso. “Somos todas lindas por natureza. Roupas, maquiagem e acessórios são apenas ferramentas auxiliares que dão um up no visual. Portanto, misturar estilos e não manter só o sexy é importante. Essa é uma indicação para todo e qualquer estilo, na verdade. É muito bacana fazer essa mescla e encontrar o seu próprio jeito de vestir, com uma pitada de cada preferência sua”.

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This div height required for enabling the sticky sidebar
Ad Clicks : Ad Views :