Depilar o rosto com cera causa flacidez? Especialista responde

/
/

Muitas dúvidas podem surgir quando o assunto é depilação. Uma das principais é: depilar o rosto com cera causa flacidez? Para algumas pessoas é mito, para outras, verdade pura. Para desvendar este mistério o Mulher Conectada conversou com o dermatologista Lucas Miranda.

Ele explica que sim, depilar o rosto com cera pode causar flacidez. “É um estiramento da pele, da mesma forma que acontece na gravidez, com o ganho de peso. Isso tende a esticar a pele, rompendo fibras elásticas. É muito comum, por exemplo, em pessoas que depilam o buço e desenvolvem, com o tempo, o chamado ‘código de barras’ nos lábios”.

A cera ainda pode agravar manchas. “Pois o processo inflamatório gerado pela depilação pode desencadear a hipercromia pós inflamatória, que é um tipo de mancha. Ela é decorrente de algum processo inflamatório na pele. O próprio melasma pode ser ativado por depilação na face. Contudo, podemos sentenciar a prática como algo errado, mas arriscado, sim”.

Como a cera causa flacidez?

Ele explica que a flacidez facial é desencadeada por fatores intrínsecos do envelhecimento. “Este, por sua vez, é determinado, basicamente, pela genética. Mas existem também fatores extrínsecos que podem acelerar o processo de flacidez e quebra de colágeno. Por exemplo, o tabagismo, consumo excessivo de álcool, sol, exposição a poluição, depilação e a má alimentação”.

Tudo isso pode aumentar a formação de radicais livres e degradar o colágeno. “Ademais, uma vida regrada e com bons hábitos, bem como a utilização de antioxidantes, tanto na dieta quanto utilizando cremes de uso tópico, pode evitar a a perda do colágeno”.

Como depilar o rosto se cera causa flacidez?

Como a cera causa flacidez, o especialista explica que o laser é a melhor maneira de depilar o rosto. “Por ser definitivo ou semi-definitivo, ela acaba expondo menos o rosto aos processos inflamatórios. Os outros tipos de depilação acabam sendo realizados mais de uma vez por mês ao logo de toda vida. Para minimizar riscos, é importante realizar o procedimento com profissionais experientes e gabaritados”.

Ele adiciona, porém, que para além da depilação, é preciso cuidar do rosto para evitar flacidez. “A cera causa flacidez, mas não só ela. Muitos fatores que a causam, como o processo natural de envelhecimento, nós não podemos evitar. Mas alguns são moldáveis e evitáveis”, diz o especialista que lista cuidados que devemos ter com a derme.

  • Procurar não se expor ao sol sem proteção. Use sempre protetor solar
  • Manter uma dieta rica em verduras, legumes e frutas que irão prover o corpo de todos os antioxidantes necessários para combater os radicais livres
  • Praticar atividades físicas
  • Beber água com frequência
  • Eliminar ou diminuir o consumo do álcool e tabaco

Por fim, ele explica que todos esses hábitos devem estar atrelados a uma rotina de cuidados com a pele. “Usar bons produtos de skincare. Além disso, fazer o uso de antioxidantes variados, como as vitaminas A,E e C são boas maneiras de se dificultar o surgimento da flacidez na pele”.

Em conclusão, ele adiciona que é possível recorrer a procedimentos que estimulam a produção do colágeno. “Como os bioestimuladores, o microagulhamento com dermaroller. Ademais o laser de baixa frequência, o laser de CO2 fracionado, o Spectra XT®, o peeling químico, além do Ultraformer III podem ser uma boa opção. Todos eles, claro, devem ser feitos com um bom profissional da área”.

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This div height required for enabling the sticky sidebar
Ad Clicks : Ad Views :