Chá de camomila: entenda todos os seus benefícios

/
/

Conhecido como um chá que auxilia no sono e até mesmo acalma, o chá de camomila tem inúmeros benefícios. Para falar um pouco mais sobre a bebida, o Mulher Conectada conversou com o nutricionista do WW Vigilante do Peso, Matheus Motta.

Primeiramente, ele explica que o chá de camomila promove uma série de benefícios para o organismo. “Seja ele preparado só, ou em combinação com outras plantas medicinais, como erva-doce e hortelã. Entre os componentes nutricionais da camomila estão o cálcio, ferro, magnésio, potássio, zinco e vitaminas B1, B2, B9, A, D, E e K”.

O especialista adiciona que a bebida alivia cólicas no trato gastrointestinal e também é aliada no combate às cólicas menstruais pois estimula a produção de glicina e reduz a intensidade dos espasmos musculares. “Além disso, o chá de camomila fortalece o sistema cardiovascular, melhora o sono, auxilia no controle glicêmico e faz bem para a pele”.

Matheus explica que todos esses benefícios têm relação direta com as substâncias contidas na camomila. “Como flavonoides, apigenina (antioxidante natural), além da ação hidratante e anti-inflamatória que a planta proporciona”.

chá de camomila

Como consumir o chá de camomila?

O nutricionista explica que o consumo é contraindicado em casos de hipersensibilidade, gravidez e crianças. “Esse grupo deve ser pautado pelas orientações do médico e do nutricionista. E para crianças, de acordo com as orientações do pediatra”.

Ele esclarece a quantidade correta do chá de camomila. “Para cada xícara, é recomendado misturar uma colher de chá da erva desidratada em 200ml de água quente. Quem quiser potencializar o efeito relaxante, pode incluir folhas de maracujá no preparo”.

Matheus acrescenta tanto os saquinhos quanto a erva são benéficos.Os saquinhos para infusão, vendidos em supermercados, também trazem benefícios. O processo de secagem das folhas e flores da camomila é o mesmo da versão à granel”.

Pelo efeito calmante, o mais comum é consumir o chá de camomila a noite. “A apigenina auxilia no funcionamento dos receptores cerebrais, aumentando a sensação de relaxamento e, consequentemente, melhorando o sono. Porém, a bebida pode ser consumida tanto de dia quanto à noite”.

Em dias frios a dica do especialista é incluir sumo de limão no chá pela manhã. “Essa é uma boa opção para as temperaturas mais baixas, já que a vitamina C, encontrada também no limão, ajuda a prevenir gripes, resfriados, entre outras doenças típicas de inverno”.

Por fim, para quem quer relaxar à noite, o chá pode ser consumido antes de dormir. “Em conclusão, a pessoa pode apostar só na camomila ou combinado com outros alimentos que proporcionam ao organismo a sensação de bem-estar, como maracujá ou erva-cidreira”. 

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This div height required for enabling the sticky sidebar
Ad Clicks : Ad Views :